+

Sustentabilidade

Comunidade

O impacto económico não basta. Queremos ter um impacto social positivo.

Ao longo de todas estas décadas, estabelecemos uma forte relação social e cultural com a comunidade, como foi exemplo no passado o Bairro Dona Olinda, os Bombeiros Privativos da Riopele e o Grupo Desportivo da Riopele.

No presente, apoiamos várias instituições e temos vindo a participar em projetos que fomentam o empreendedorismo. Em 2015, inaugurámos nas nossas instalações, a incubadora Famalicão Made INcubar - Indústria, em parceria com a Câmara de Vila Nova de Famalicão, constituindo-se na primeira incubadora de empresas, em Portugal, a funcionar em contexto industrial ativo.

Participamos em programas de mentoring para potenciar o crescimento de novas empresas, como é o caso do ElevAdor.

Esta iniciativa conta com o envolvimento da Gestão de Topo da empresa, que orienta e aconselha os jovens empreendedores do concelho com o seu conhecimento e experiência.

Através de programas de visita à empresa, promovemos o contacto, a troca de experiência e uma maior aproximação com as principais universidades e centros tecnológicos internacionais da indústria de moda. Queremos contribuir para o desenvolvimento curricular dos alunos e para o seu futuro profissional.

Acreditamos que cooperação inspira inovação.

Na nossa comunidade, participamos também no Conselho Geral do Agrupamento de Escolas Padre Benjamim Salgado. Ainda neste âmbito, temos vindo a participar nos prémios anuais atribuídos aos melhores alunos da escola, que integram o quadro de excelência. Estamos convictos de que a educação é um agente de transformação da sociedade.

Acreditamos que cooperação inspira inovação. Fomentamos, por isso, o estabelecimento de parcerias com centros de investigação, com universidades e com escolas de negócios, como o CeNTI (Centro de Nanotecnologia e Materiais Técnicos, Funcionais e Inteligentes), a Universidade Lusíada - Norte, a Porto Business School e a Universidade do Minho.

Ao nível cultural, apoiamos a Fundação de Serralves, a Fundação Batalha de Aljubarrota e a Fundação Cupertino de Miranda de Vila Nova de Famalicão. Pontualmente concedemos apoios para a concretização de eventos variados de índole cultural, como, por exemplo, o festival Laurus Nobilis Music 2016, que decorreu em Vila Nova de Famalicão.